CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Fazenda de likes cria seguidores fantasmas para aumentar curtidas

Estes lugares descobertos na China nos fazem questionar o que é real nas redes sociais.

Por Redação Estilo Atualizado em 18 fev 2020, 13h17 - Publicado em 26 Maio 2017, 19h38

A vida da maioria das pessoas é bem dependente da tecnologia, seja para saber as horas, fazer compras e até mesmo para se locomover. Em um mundo feito de aparências, likes, curtidas, compartilhamentos e seguidores, um novo tipo de empreendedorismo tem surgido para comprovar esse lifestyle.

As fazendas de likes descobertas na China mostram que nem todas as relações e as movimentações das redes sociais são reais. O processo é muito simples – e igualmente absurdo: milhares de smartphones ficam conectados à internet 24h por dia em um mesmo local e, através da contratação destes serviços, permite que páginas se tornem populares sem a adesão real das pessoas, vídeos viralizem e aplicativos se popularizem, ou seja, vários compartilhamentos e curtidas não são “reais”.

A maior parte dessas manipulações virtuais parecem acontecer na China e na Rússia, mas é bem capaz que existam fazendas como essa ao redor de todo o mundo.

O local descoberto na China tinha cerca de 10 mil telefones em ação, assim como diversos trabalhadores que eram responsáveis por cultivar likes e compartilhamentos.

A prática não é ilegal, mas nos faz questionar a realidade de todas as nossas interações via redes sociais e a questão ética por trás de tudo isso.

Assine a Newsletter da ESTILO e receba as nossas notícias inbox! <3

Continua após a publicidade

Publicidade